MODA: Brasil Eco Fashion Week lança edital do 1º Programa de Moda Circular e Inovação BEFW e abre inscrições para participação na 6ª edição da semana de moda sustentável

A abertura do programa será no dia 15 de junho. Na mesma data, as marcas interessadas em participar da BEFW 2022 poderão realizar inscrições.

 

A indústria da moda no Brasil é formada majoritariamente por micro e pequenas empresas que carecem de apoio para implementarem modelos de negócios inovadores. Em busca de apoiar iniciativas relacionadas à moda circular, o BEFW, com curadoria do SENAI CETIQT, lança em 15 de junho, o 1º Programa de Moda Circular e Inovação 2022.

 

O programa busca apoiar pequenas e microempresas de moda no desenvolvimento de suas soluções e ganho de escala com base na economia circular. O objetivo é incentivar o empreendedorismo, dar visibilidade e condições para negócios de moda circular de impacto positivo considerando fatores econômicos, ambientais e sociais. O caminho percorrido para a transição entre o modelo linear de produção para o circular, propõe que designers, produtores, varejistas e consumidores sejam desafiados a assumir todo o ciclo de vida de uma peça de vestuário.

 

Cinco empresas serão selecionadas por um Comitê de Curadores formado pelos consultores especialistas em circularidade e sustentabilidade do Instituto Senai de Tecnologia Têxtil e de Confecção do SENAI CETIQT. As empresas farão parte do 1º Programa de Moda Circular e Inovação BEFW, com mentorias que tem início previsto para agosto de 2022, com duração até o final do mês de outubro de 2022. Desta forma, estarão preparadas para apresentar suas propostas em formato de pitch para possíveis investidores em novembro de 2022 na 6º edição do Brasil Eco Fashion Week, semana de moda sustentável, realizado de forma presencial na cidade de São Paulo-SP.

 

Para o lançamento do programa haverá uma conversa do BEFW com Tadeu Almeida, CEO do Repassa, startup de moda consciente e brechó online, fundada em 2015, crescendo mais de 10 vezes em dois anos.
 

"Pretendemos estimular o ecossistema da inovação para os negócios de moda brasileiros com foco em economia circular e sustentabilidade. Possibilitar visibilidade através do evento é nossa forma de somar com empreendedores estimulando o mercado, projetos, produtos e pessoas que estão fazendo a diferença", cita Rafael Morais, Diretor Executivo do BEFW.


 

Helena Pontes_Crédito: Irina Tascheva @irinatascheva
Libertees_Crédito: Irina Tascheva @irinatascheva




SOBRE O BRASIL ECO FASHION WEEK
 

A semana de moda sustentável, evento gratuito e aberto ao público, apresenta boas práticas de sustentabilidade no mercado e indústria da moda brasileira, com espaços temáticos e conteúdos educacionais e de inspiração, desfiles, workshop, showroom, rodadas de negócios, exposições, interatividade e atividades de empreendedorismo.


O evento nacional e internacional se estabeleceu em São Paulo, recebendo empreendedores, profissionais, estudantes e consumidores de todas as regiões do Brasil. Em 2020 e 2021 o evento realizou edições digitais ampliando públicos e presença online. Na quinta edição houve também desfile das marcas brasileiras na semana de moda de Milão.


Os conteúdos do evento trazem em pauta temas relevantes como: cultivos orgânicos, certificações de materiais, consumo consciente, moda da Amazônia, biodesign, técnicas de upcycling, reciclagem têxtil, modelos de negócios para a moda circular e moda colaborativa, práticas de transparência, diversidade, ativismo, inclusão e comércio justo, inovação e tecnologias em prol da sustentabilidade.
 

As inscrições para showroom de marcas e o lineup de desfiles são definidos por meio de editais. As empresas são escolhidas por uma equipe convidada de curadores, envolvidos com iniciativas de destaque nas áreas de moda e sustentabilidade.
 

Plataforma de moda, inovação e sustentabilidade, o Brasil Eco Fashion Week tem neste ano o patrocínio Master da Lojas Renner S/A e do Mercado Livre, é realizado em parceria com a Unibes Cultural desde a primeira edição e segue em busca de novos parceiros para o evento de 2022.

 

Crédito: Irina Tascheva @irinatascheva
Crédito: Irina Tascheva @irinatascheva



 

Crédito: Irina Tascheva @irinatascheva
Rico Bracco_Crédito: Irina Tascheva @irinatascheva



 

Crédito: Irina Tascheva @irinatascheva
Natural Cotton Color_Crédito: Irina Tascheva @irinatascheva

 

 


SOBRE O SENAI CETIQT
Criado em 1949, o Centro de Tecnologia da Indústria Química e Têxtil do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI CETIQT) é uma instituição responsável pela formação profissional e a prestação de serviços orientados à cadeia produtiva do setor químico e têxtil. O SENAI CETIQT é formado pela Faculdade SENAI CETIQT, pelo Instituto SENAI de Inovação em Biossintéticos e Fibras e pelo Instituto SENAI de Tecnologia Têxtil e de Confecção, e oferece um leque de serviços transversais que o consagram como um dos maiores centros latino-americanos de produção de conhecimento aplicado às cadeias produtivas desses setores.
 

Constituído como entidade de caráter privado sem fins lucrativos, o SENAI CETIQT, por intermédio do Instituto SENAI de Tecnologia Têxtil e de Confecção, atua para fortalecer o desenvolvimento sistêmico do segmento industrial têxtil, de moda e confecção no Brasil, oferecendo serviços tecnológicos especializados de consultoria e ensaios metrológicos.


 

Serviço

Brasil Eco Fashion Week - Lançamento Edital do 1º Programa de Moda Circular e Inovação BEFW

Dia 15 de junho:

11H - Palestra de Abertura: Economia circular e moda consciente no brechó on-line Repassa

11:40 - Lançamento Edital do Programa de Moda Circular com BEFW + Senai Cetiqt


 

Transmissão da Abertura do Programa

15 de junho no site do Brasil Eco Fashion Week - Link e o canal do Youtube do Brasil Eco Fashion Week




brasilecofashion . com . br
brasilecofashionweek






SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS





MAIS ACESSADAS NO SITE::

Moda sustentável: Qual a importância dela na atualidade ?

Tricot é tendência para 2022; saiba como usar e fazer looks arrasadores

Artistas e mundo da moda multiplicam possibilidades e ganhos no metaverso