DECORAÇÃO: Eliane apresenta direto de Milão os insights de Regina Galvão

Cobertura especial da marca traz tudo o que há de mais interessante na capital mundial do design

A cidade de Milão na Itália é considerada a capital mundial do design e, nesta época do ano, acontece a semana mais esperada por todos os profissionais de arquitetura, decoração e design do mundo. São inúmeros eventos, exposições, instalações, além, é claro, da maior feira do setor que chega em sua 60ª edição: o Salão o Móvel (@isaloniofficial).

 

De 7 a 12 de junho, visitantes do mundo todo conferem as novidades, tendências e tudo o que há de mais relevante no segmento no Salone, como é conhecida a feira, e através de exposições, intervenções e instalações Fuori Salone, que acontecem paralelamente em diferentes pontos da cidade.


Para acompanhar todas as ações, a Eliane convidou a curadora e jornalista Regina Galvão (@reginagalvaojornalista) para fazer uma cobertura especial no Instagram da marca (@elianerevestimentos), percorrendo os lugares mais interessantes em busca de novidades e inspirações durante os 6 dias de evento.

 

Confira abaixo, em primeira mão, alguns insights selecionados pela nossa curadora convidada e também acompanhe nossos conteúdos exclusivos do Isaloni, salvo nos destaques do Instagram:



Peças do Estúdio Dentro (à esquerda) e tapeçarias da by Kamy (à direita) fazem parte da exposição brasileira Poesia do Cotidiano, que acontece na Università Statale di Milano. Fotos: Regina Galvão.

A Università Statale di Milano, em parceria com a revista Interni, recebe sempre instalações imperdíveis. Entre as novidades deste ano está a exposição brasileira Poesia do Cotidiano, que tem curadoria do talentoso Bruno Simões e homenageia o centenário da Semana de Arte de 1922, representadas em peças de 55 empresas e estúdios brasileiros, com diversidade de materiais e tipologias, de mobiliário a tapeçaria.



O sofá Sengu Bold, lançamento de Patricia Urquiola para a Cassina (à esquerda) e os móveis circulares da tradicional marca italiana Baxter (à direita). Fotos: Regina Galvão.

Um dos endereços mais badalados é a Via Durini, famosa rua das marcas mais luxuosas de design. Uma delas é a Cassina, que conta com a direção de arte de Patricia Urquiola e tem como destaque o lançamento do sofá Sengu Bold, que traz a tendência da cor amarela, já antecipada pela Eliane em sua coleção Lumina com a cor do ano Pólen. Outro destaque da região é a italiana Baxter, tradicional marca de mobiliário fundada em 1990, que dita tendências até hoje e que, este ano, tem como destaque os móveis circulares.



Móveis, mantas e cerâmicas da Hermès trazem o handmade e as cores como destaque. Fotos: Regina Galvão.

Considerado o templo do luxo em Milão, a marca Hermès também apresenta uma exposição que destaca o handmade, valorizando o artesanato feito à mão, com peças em bambu, couro, fibras, texturas, madeira e papel de arroz, além de muitas cores, entre elas o tom amarelo, também muito parecido com a cor do ano da Eliane: Pólen.



Sistema de acústica da empresa italiana Slalom (à esquerda) e luminárias da designer Serena Confaloniere para Servomuto (à direita). Fotos: Regina Galvão.

As atrações Fuori Salone, que acontecem fora do salão e longe do centro da cidade, também precisam estar no radar dos visitantes. Um antigo hospital militar, localizado em Alcova, traz exposições de empresas estrangeiras e jovens talentos, conceitos, inspirações e ideias criativas para as novas gerações de designers.



Peças de Tom Dixon (à esquerda) e luminária Vanto de Rossana Orlandi (à direita). Fotos: Regina Galvão.

Duas exposições imperdíveis são: a primeira é uma celebração aos 20 anos de Tom Dixon, design britânico, com criações icônicas em novos materiais, além de protótipos e peças especiais. A segunda é a instalação na Galeria Rossana Orlandi, que sempre traz novidades quentíssimas, como a luminária Vanto, um dos destaques deste ano.



A namoradeira da designer italiana Cristina Celestino para a Etel (à esquerda) além de sofá e mesas de centro feitos em madeira e pedra, que fazem referência ao modernismo e ao brutalismo. Foto: Regina Galvão.

Outra dica é visitar o Espaço do Brasil, localizado na Piazza Santo Stefano, em uma ação promovida pela Apex e pela Abimóvel. São peças de 12 designers e 21 indústrias, desenvolvidas especialmente para o projeto Brasil Design + Indústria.



A impactante chegada ao Salone del Mobile (à esquerda) e a exposição das tapeçarias da by Kamy, no estande brasileiro localizado no pavilhão 18 (à direita). Fotos: Regina Galvão.

Mas a atração principal, é claro, o Salão do Móvel, localizado em um extenso pavilhão futurista, projetado pelo arquiteto Massimiliano Fucsia. Os brasileiros não podem deixar de visitar o pavilhão 18, onde fica localizado o estande do Brasil e reúne inúmeras empresas e marcas.

 





SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS





MAIS ACESSADAS NO SITE::

Moda sustentável: Qual a importância dela na atualidade ?

Tricot é tendência para 2022; saiba como usar e fazer looks arrasadores

Artistas e mundo da moda multiplicam possibilidades e ganhos no metaverso