A próxima edição do Fashion Hub Talks acontece hoje e apresenta o tema Sustentabilidade Social


Apresenta
Fashion Talks

O tema desta edição: Sustentabilidade Social
Hoje, 18 de maio de 2022, às 17h
www . youtube . com/c/FashionHubTech

 

 

Mediadora
Tereza Cristina Horn
Fundadora da 221 Consultoria ( 221consultoria), uma das empresas que idealizou o Fashion Hub. Tereza é graduada em História pela UFMG, com MBAs em Marketing, Branding, Negócios da Moda pela PUC e especialização em Marketing Digital pela ESPM. Já atendeu mais de 100 empresas dos segmentos da moda, beleza e fitness e, nos últimos anos, tem se dedicado à sustentabilidade e inovação.

Convidados:
 

Thayne Garcia
Consultora na Reos Partners e atua como gestora do Colabora Moda Sustentável (colaboramodasustentavel). Graduada em Relações Internacionais, com MBA Gestão de Negócios e Formações Adicionais e Ciências Políticas e Impacto Socioambiental, tem experiência nos setores público, privado e terceiro setor. Tem passagens pelo Comitê Internacional do Rio2016 e Organizador das Olimpíadas pelo Governo do Rio2016, também foram projetos positivos e sustentáveis para o impacto da área do Governo do Rio de Janeiro e projetos positivos e sustentáveis para o impacto positivo e sustentável.

 

Thayne Garcia - Gestora da Colabora Moda Sustentável

 



Isabella Luglio 
Coordenadora da rede educacional do Fashion Revolution Brasil (fash_rev_brasil), pesquisadora e gestora de projetos como o Índice de Transparência da Moda e o Programa Educacional Jovens Revolucionários. É dormir em Design de Moda pela FAAP e pós-graduada em Design Sustentável pelo Fashion Institute of Technology de Nova Iorque. Antes de ingressar no Fashion Revolution, e no estilo da marca Fernanda Yamamoto.

 

Isabella Luglio - Coordenadora da rede educacional do Fashion Revolution Brasil



 

Adriana Vojvodic
Fundadora da Gema Consultoria (gema.consultoria),  professora no curso Compliance e Governança do Insper. Consultora em compliance anticorrupção, atua na implantação e monitoramento de programas de conhecimento. Criadora do Canela, plataforma para promoção do ciclismo feminino. É doutora em Direito do Estado pela USP e foi pesquisador visitante na UCL em Londres.


 

Adriana Vojvodic - Fundadora da Gema Consultoria



 

Manuela Camargo 
Fundadora da Gema Consultoria (gema.consultoria), especialista em regulação, foi líder do grupo de mulheres da Uber e associada de políticas públicas do Airbnb. Integra o Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência e o Conselho Nacional dos Direitos da Mulher quando foi assessora no Ministério da Justiça e na Presidência da República. É fixado em direito pela USP.


 

Manuela Camargo - Fundadora da Gema Consultoria



 

Thayná Yaredy
Fundadora da Gema Consultoria (gema.consultoria), é formada em direito pela UNIESP e mestra pela UFABC. Pós-graduada em Direitos Fundamentais pela Universidade de Coimbra e pesquisadora do Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros. Atualmente é assessora do programa de enfrentamento à violência institucional na Conectas Direitos Humanos e coordenadora de assuntos antidiscriminatórios no IBCCRIM. Mulher de axé e mãe do Marthin.

 

Thayná Yaredy - Fundadora da Gema Consultoria



 

André Salem
CEO & Fundador da Blockforce (blockforce.in), consultoria de produtos digitais em blockchain, focados em impacto socioambiental. Blockforce é uma 1ª B Corp de Blockchain LatAm. Anteriormente, e André na área de pesquisa em blockchain da IBM Brasil, como desenvolvedor de negócios em blockchain da IBM Brasil. É conselheiro e mentor de startups e cursos no segmento.

 

André Salem - CEO & Fundador da Blockforce



 

Participação Especial:

Laís Franklin Vieira
Jornalista e bailarina profissional por formação. Com passagens pelas redações das revistas Veja São Paulo, MADE e Decorar, atuo como editora-assistente digital da Vogue Brasil, onde me dedico a criar pontes e ampliar diálogos de diversidade e inclusão em diferentes formatos e plataformas.

 

Laís Franklin Vieira




Pensar na sustentabilidade social é desenvolver ações práticas que interfiram positivamente na vida do coletivo. Não seria possível pensar em inovação nas organizações sem este importante pilar.
 

Ignacy Sachs, pesquisador polonês conhecido por ser um "ecossocioeconomista", foi um dos primeiros a lançar luz sobre a necessidade de convergir o debate unindo aspectos sociais, econômicos, ecológicos e políticos. Já na década de 1970, ele mostrava que reduzir a desigualdade social e criar uma sociedade com

uma melhor distribuição de renda seria fundamental para preservar o futuro.

O conceito de sustentabilidade social tem suas bases na publicação do Relatório Brundtland, em 1987. Liderado pela pesquisadora e ex-primeira-ministra da Noruega Gro Harlem Brundtland, o documento foi produzido pela Secretaria Geral da Organização das Nações Unidas. A equidade social foi colocada como objetivo principal para a sustentabilidade no relatório, que incluiu em sua definição "as necessidades presentes" bem como "a capacidade das gerações futuras de suprir suas próprias necessidades".
 

Para jogar luz nestas questões, a próxima edição do Fashion Hub Talks recebe organizações reconhecidas e atuantes para que a sustentabilidade social seja parte fundamental das agendas de pequenas e grandes empresas.
 

São elas:
 

O Colabora Moda Sustentável -- Atua desde 2017, para articular a mudança de um dos principais setores da

economia brasileira.
 

São cerca de 100 pessoas físicas e jurídicas reunidas em torno de objetivos comuns, a plataforma multissetorial -- que tem entre seus membros os principais produtores, indústrias, marcas, varejistas, associações setoriais, formadores de opinião, costureiras e lideranças do país -- que buscam promover mudanças de cultura, influenciar políticas públicas, construir novas narrativas e criar soluções concretas em prol de uma moda brasileira ética e sustentável.

Para acelerar a resolução de diversos e complexos desafios sociais, econômicos e ambientais, o Colabora Moda Sustentável trabalhou na construção de recomendações. Quando adotadas, elas podem destravar e impulsionar o avanço dessas soluções e transformar os principais desafios do setor, tornando a moda brasileira mais ética e sustentável. Esta ação é pioneira na abordagem abrangente do desenvolvimento sustentável.

 

O Fashion Revolution existe por uma indústria da moda limpa, segura, justa, transparente e responsável, e faz isto por meio de pesquisa e informação, educação, colaboração e mobilização. O Fashion Revolution acredita no poder de transformação positiva da moda, e tem como principais objetivos conscientizar sobre os impactos socioambientais do setor, celebrar as pessoas por trás das roupas, incentivar a transparência e fomentar a sustentabilidade.
 

O movimento foi criado após um conselho global de profissionais da moda se sensibilizar com o desabamento do edifício Rana Plaza em Bangladesh, que causou a morte de 1.134 trabalhadores da indústria de confecção e deixou mais de 2.500 feridos. A tragédia aconteceu no dia 24 de abril de 2013, e as vítimas trabalhavam para marcas globais, em condições análogas à escravidão.

A partir de 2018 criaram o relatório "Índice de Transparência da Moda Brasil", co-realizado pelas equipes brasileira e global do movimento Fashion Revolution, para analisar em que medida vinte grandes marcas e varejistas de moda estão comunicando ao público sobre suas cadeias produtivas -- e incentivar uma maior prestação de contas em relação aos impactos socioambientais do setor em parceria técnica com o Centro de Estudos em Sustentabilidade da Fundação Getulio Vargas (FGVces), se tornando uma grande referência dentro do mercado.

 

A consultoria Gema é formada por um grupo de advogadas que apoia empresas e organizações na governança da diversidade, inclusão e equidade. Oferece estratégias de D&I, com foco na inclusão, permanência e ascensão de pessoas diversas nas organizações.

Atua na criação do planejamento estratégico da agenda de diversidade, de políticas institucionais, de conteúdos educativos, de palestras, treinamentos e facilitações, assim como gestões de crises e no tratamento interno de incidentes de assédio e discriminação, de forma ágil e acolhedora.
 
 

Blockforce é uma organização de pesquisa e desenvolvimento de Blockchain, que oferece consultoria, produtos digitais baseados em blockchain, e serviços integrados de desenvolvimento para impulsionar projetos de impacto socioambiental em escala.


Esperamos você hoje, 18 de Maio às 17 horas.

Link do Sympla para inscrição no Fashion Hub Talks: www . sympla . com . br

 

fashionhub . com . br

fashionhubtech

www . youtube. com /c/FashionHubTech/featured

 



Atenção !!!

Você de todo o Brasil, tem um evento especial e não sabe o que usar ?

Consultoria Grátis, Compras e Atendimento Online:






SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS


MAIS ACESSADAS NO SITE::

Moda sustentável: Qual a importância dela na atualidade ?

Tricot é tendência para 2022; saiba como usar e fazer looks arrasadores

Artistas e mundo da moda multiplicam possibilidades e ganhos no metaverso