A cor ideal da gravata para cada ocasião

Guia prático elaborado pela Camisaria Colombo ensina a combinar gravatas em qualquer tipo de composição a partir da cor

 

A moda masculina é muito mais complexa do que aparenta. Assim como a feminina, ela é cheia de regras de etiqueta, adequações a ocasiões e detalhes que dizem respeito até mesmo ao horário em que a peça de roupa será usada. Por isso, se atentar aos pormenores é essencial para passar a devida impressão.


Um item icônico na caracterização dos homens é a gravata. Inúmeros são os filmes com cenas do mocinho aprendendo a dar o nó na gravata, sendo ajudado pelo pai ou lamentando sua ausência nesse momento quase ritualístico. Isso porque a gravata é um indumento antigo e simbólico no universo masculino, em que sua primeira função como pedaço de pano no pescoço foi uniformizar soldados de determinado lado no campo de batalha, na guerra dos trinta anos. Portanto, é um acessório que atribui identidade em seus diversos formatos, tamanhos, cores e estampas.


Seguindo essa linha, a Camisaria Colombo, tradicional marca de vestuário masculino, tem como missão acompanhar o homem moderno na busca pela elegância e estilo próprio. Por isso, a marca preparou um guia prático e 'desenrolado' para encontrar a cor de gravata ideal para cada ocasião:

  • Para o dia a dia com camisas:

Se a gravata faz parte da sua rotina, tudo depende da atenção ou neutralidade que você quer dar para ela ou para a composição. Com camisa branca, você pode combinar literalmente qualquer cor ou estampa. Já com camisas coloridas, existem algumas subdivisões importantes para deixar a combinação harmoniosa.

- Camisa azul: Por ser uma cor fria, o azul alcança todo seu potencial quando combinado com tons terrosos como castanho, tons de verde e de cinza e azuis mais escuros. Se seu estilo é mais divertido e antenado nas últimas tendências, estampas florais estão dominando as sessões do acessório. Já para looks mais clássicos, padrões como xadrez dão o toque vintage.

- Camisa rosa: O rosa cai bem com os tons entre azul, roxo e outros tons de rosa, como o vinho. A escolha dentro dessa gama vai depender do efeito desejado. O azul, por exemplo, vai se destacar e pode apontar para outros elementos da mesma cor no look. Já os tons complementares de rosa vão dar um ar monocromático e uniforme ao todo.

- Camisa escura: Camisas de cores escuras não abrem muito espaço para gravatas ousadas. A dica de ouro é combinar com acessórios igualmente escuros. Por exemplo, camisas azul marinho, preta e bordô, sugerem uma gravata lisa com no máximo uma textura e favorecem composições monocromáticas. O All Black é um exemplo clássico que nunca sai de moda.

  • Para usar com terno:

Se a ocasião exige terno e gravata, o primeiro passo é neutralizar a base. Isto é, optar por uma camisa básica, lisa e sem estampas. Depois, destacar a cor da gravata com o terno é uma boa opção que não precisa ser óbvia. A sugestão é que com ternos mais escuros, as cores verde, amarelo, azul e vinho, sejam o quê colorido sem fugir da seriedade.

 

A Camisaria Colombo conta com uma enorme variedade de gravatas, pensadas e desenvolvidas para as mais diversas ocasiões. As peças podem ser encontradas nas mais de 100 lojas em todo o Brasil e também no e-commerce.

 

 

 

 

Atenção !!!

Você de todo o Brasil, tem um evento especial e não sabe o que usar ?

Consultoria Grátis, Compras e Atendimento Online:






SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS


MAIS ACESSADAS NO SITE::

Moda sustentável: Qual a importância dela na atualidade ?

Marrom é o novo preto: cor é tendência no outono-inverno

Mais moderna e descontraída, Marisa apresenta nova coleção de jeans

Além das tendências de moda: peças clássicas ajudam a montar looks modernos

Artistas e mundo da moda multiplicam possibilidades e ganhos no metaverso