O novo chique: aprenda a usar a tendência da alfaiataria despojada

Cortes modernos tornam o traje social uma opção versátil


Destaque nas semanas de moda de Paris e Milão, a alfaiataria, que já foi parte do streetstyle neste verão, estará ainda mais presente nas vitrines na próxima estação. Mas esqueça os cortes formais! As peças chegam às lojas em modelos despojados.

Roupas de alfaiataria são aquelas que remetem aos alfaiates, costureiros que faziam peças sob medida, principalmente para o público masculino. A consultora de imagem Camile Stefano explica que essas peças têm uma longa história na moda. "Coco Chanel popularizou o uso das calças para além dos conjuntos de tailleur para as mulheres, enquanto Yves Saint Laurent apresentou pela primeira vez o smoking feminino", destaca.

Para a temporada de 2022, marcas de luxo - como a Gucci em parceria com a Adidas - trouxeram a tendência da alfaiataria sporty. Para a especialista, "blazers cropped e calças com fendas são uma adaptação da alfaiataria clássica e podem ser usados no dia a dia, inclusive combinando com tênis esportivos".

Saias e bermudas também fazem parte dessa nova alfaiataria e, para Camile, podem ser uma opção versátil para um look formal no trabalho e estiloso para a noite. "Os conjuntos com saias ou bermudas e blazers serão a aposta das mulheres que querem estilo e praticidade", explica.

Confira algumas inspirações para incorporar a alfaiataria de forma despojada no seu guarda-roupa:
 

  • Alfaiataria nas semanas de moda em 2022: Gucci, Moschino e Carolina Herrera apresentaram suas versões. Pinterest.

 

 

  • Bruna Marquezine na semana de moda de Milão: Pinterest
  • Hailey Bieber com um conjunto de blazer e calça no streetstyle: Pinterest
  • Zendaya com uma versão adaptada do blazer como vestido de alfaiataria: Pinterest


 


MAIS ACESSADAS NO SITE::

Moda sustentável: Qual a importância dela na atualidade ?

Marrom é o novo preto: cor é tendência no outono-inverno

Mais moderna e descontraída, Marisa apresenta nova coleção de jeans

Artistas e mundo da moda multiplicam possibilidades e ganhos no metaverso